top of page
  • Foto do escritorDr. Herik Oliveira

Lipedema: Gordura normal x Lipedema

Você sabia que nem toda gordura é igual? Muitas mulheres enfrentam um desafio que vai além da balança: o lipedema.

Esta condição pouco conhecida é muitas vezes confundida com a obesidade, mas é fundamental distinguir uma da outra para promover a saúde e bem-estar.O lipedema é uma doença crônica que provoca o acúmulo desproporcional de gordura nos membros inferiores, e às vezes nos braços.


Gordura de lipedema
Lipedema

Diferente da gordura comum, a do lipedema é simétrica, dolorosa ao toque e não se altera significativamente com mudanças de dieta ou exercícios. Enquanto a gordura da obesidade distribui-se pelo corpo e está diretamente relacionada com o excesso de peso, a gordura do lipedema tem uma conexão com fatores genéticos e hormonais.


O lipedema é frequentemente ativado por mudanças hormonais, como a puberdade, gravidez ou menopausa. O papel da genética também é notável, com muitos casos apresentando um histórico familiar. Este acúmulo de gordura pode levar a dor, hematomas e uma sensação de peso nas pernas, afetando a qualidade de vida.


Opções de Tratamento (visite também a nossa página EXCLUSIVA SOBRE LIPEDEMA: https://saude-brasilia.clinicaangioven.com/lipedema)

Há tratamentos que podem ajudar a gerenciar e melhorar os sintomas.

Terapia de Compressão: Meias de compressão especializadas podem ajudar a reduzir a dor e o inchaço.


Drenagem Linfática Manual: Uma técnica de massagem suave que pode melhorar o fluxo do líquido linfático e aliviar sintomas.


🏊♀Exercícios de Baixo Impacto: Natação, ciclismo ou caminhadas podem ajudar a manter a mobilidade sem sobrecarregar as articulações.


Cuidado Nutricional: Trabalhar com um nutricionista para desenvolver uma dieta anti-inflamatória pode ajudar a gerenciar o lipedema.


👨⚕️Cirurgia: Em alguns casos, pode ser considerada para remover a gordura do lipedema


.É crucial promover o conhecimento sobre o lipedema, garantindo que as mulheres busquem ajuda especializada e recebam o suporte necessário. Se você apresenta sinais de lipedema, saiba que não está sozinha.


Procure um especialista e promova a melhora de sua saúde e autoestima.

58 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page